top of page
  • Foto do escritorHelena Fraga

Fazendo as malas - vida nova




Hoje é um dia de despedidas e de novos começos. Nosso último sábado, registra a derradeira data da Ana em casa antes de embarcar em uma jornada emocionante ao lado do seu amado Márcio. É um dia de arrumar malas, de preparar o coração e de celebrar o início de uma nova fase da vida.

 

Enquanto Ana arruma sua mala para essa tão esperada viagem, não posso deixar de me sentir inundada por uma mistura de emoções. Esta é a última mala de solteira dela, repleta de sonhos, expectativas e memórias de uma vida que está prestes a se transformar.

 

Cada item meticulosamente arrumado na mala representa uma memória passada e um sinal do futuro que nos aguarda. É um momento de reflexão, de gratidão e de um amor imenso que transborda.

 

É com o coração feliz que vejo Ana partir, sabendo que ela e Márcio estão prontos para construir uma nova família juntos. E embora a despedida seja agridoce, sei que é apenas o começo de uma jornada repleta de amor, aventuras e crescimento mútuo.

 

Que cada passo que Ana dê rumo ao seu futuro seja guiado pela luz do amor e da felicidade e abençoado por Deus. Que ela encontre na estrada da vida a companhia constante do seu marido e a certeza de que, onde quer que estejam, estarão sempre em casa um, no coração do outro.

 

Que este sábado seja um dia de despedidas cheio de amor, de abraços apertados e de sorrisos emocionados. E que, ao fecharmos a porta da casa, abramos os braços para receber tudo o que o futuro reserva para Ana e Márcio.

 

Que seja o início de uma jornada verdadeiramente extraordinária.


Texto by Helena Fraga

10 visualizações2 comentários

Posts recentes

Ver tudo

2 Comments


Dyandreia Portugal - Rede Sem Fronteiras
Dyandreia Portugal - Rede Sem Fronteiras
Apr 06

Que nenvoso, não é, Helena? Um apertozinho no coração. Sabemos que este momento da partida de um filho é inevitável e faz parte do processo de vida, mas eu imagino o seu coração apertado, apesar de toda a certeza que você tem que fez o melhor que pôde fazer, que deu todo o seu amor, ensinamentos e base para que ela siga em frente, agora, se apoiando no marido e não na mãe. Contudo, é certo que ela sempre terá você por perto, mesmo não estando junto. O amor que as une será um elo indissolúvel para essa fraternidade eterna. Parabéns pela mãe que você foi até aqui, e pela filha que você preparou para o mundo. Lembrando que você…

Like
Helena Fraga
Helena Fraga
Apr 10
Replying to

Exatamente como você descreve. A partida é inevitável, porém ganhei um filho e estou feliz de cada uma seguir seu caminho e construir seus sonhos.

Like
bottom of page